se vira sem mim, baby! i’m out!


ponteiro do relógo que insiste em não girar,
me diz qual a suma importância de me fazer pirar?
será que só você não percebe que não sou mais capaz de aguentar?

don’t touch me.
don’t look me.
i’m angry.
i’m hungry.
get off.
get out.
i’m better than you.
take care,
i’m evil and…
i’ll eat all your dreams.

ponteiro do relógio que insiste em não girar,
me diz qual a necessidade você tem de estar?
será que você não percebe que meu tempo pra você já passou?

é deste carro que estou,
cortando desertos à 100km/h,
com a cabeça pra fora pra bater nos cactos,
que hoje decido pular…
não se importe comigo,
tenha certeza de que eu vou ficar bem.
afinal, entre você e nada, prefiro ficar sem ninguém.
sobre os meus machucados? não se preocupe, eles passam.
sobre o vazio ao teu lado? se preocupe, ele morde.
sobre mim? me esqueça amor,
eu trouxe comigo o meu passaporte!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s