questionamento implacável


as manhãs já não são mais as mesmas.
as tardes de tão solitárias passam voando.
as noites que agora terminam na madrugada se perderam.
o telefone que não toca.
o msn que não pisca.
o e-mail que não chega.
a distância cresceu demais pra juntar novamente.
o horizonte se tornou invisível.

uma vez eu disse que eu sempre estou perto das pessoas enquanto elas precisam de mim e que quando elas não precisam mais, eu simplesmente sumo de suas vidas.
é o correto? é o errado?
não sei. só sei que é uma forma de ajudar o máximo de pessoas que puder.
será que você ainda precisa de mim?
tudo mudou. as coisas mudaram. nós mudamos.
será que eu ainda sou necessário?
será que eu me faço necessário?
só o tempo irá dizer, mas uma coisa é certa: eu estarei observando para chegar à  uma conclusão e, se cabível, tomar uma atitude.
só espero que seja a certa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s