ufba: segunda fase


domingo. 14 de dezembro de 2008. 8:00h.
mais uma vez acordar cedo.
me preparar para fazer uma prova patética e sem sentido para selecionar aqueles que tem melhor memória.
mas, fato: a inteligência de uma pessoa não pode ser medida por uma prova.
o emocional, a memória e o raciocínio lógico pode, mas é impossível selecionar pessoas aptas à entrar numa instituição somente por uma prova conteudista, principalmente nesta fase que é discursiva.
coloque aquele que passou e o que não passou na prova em uma situação de risco e, aquele que se sair melhor deve entrar.
isso sim é ser inteligente.
é saber aplicar, não escrever num pedaço de papel idiota e ditatorial.
abaixo ufba! abaixo uneb!
chega de provas exclusivas e de questões que não vão me levar à lugar nenhum!
me coloque pra viver a vida e aí eu te direi se estou apto à entrar ou não.
tá na hora dessas máquinas de opressão disfarçadas de instituições de ensino entender que quem dá as cartas somos nós…  o povo!
o índio, o branco, o amarelo, o negro, o rico, o pobre, o deficiente…
nós fazemos esta escola e somo nós que iremos mudar o mundo!
chega de provas ineficientes e professores neandertais!
chega de ufba!
chega de vestibular!
chega de exclusão!
faculdade, educação e a vida são direito de todos!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: