dandara


seus cachos dançantes não me sairam da cabeça. seu sorriso meigo não são meras lembranças, mas sim quadros pendurados na parede da minha memória.

andei lendo as coisas que escreveu e me lembrei do seu caderno. aquele que ninguém podia ler pois tinham os seus maiores medos expressos em palavras. quando li seus textos hoje, eu lembrei do seu caderno, pensando que talvez aqueles textos poderiam estar lá, entre aquelas páginas trancadas pelo cadeado da razão.
fui tomado por um sentimento que não sei explicar. um misto de saudade e de medo. saudade de você, do seu sorriso, dos seus olhos, do seu cabelo, do seu cheiro – que nada lembra o cheiro dos cigarros que eu fazia você sentir em mim. medo de você estar mal e eu não poder te ajudar, de você precisar de alguém, de um abraço, e eu não estar presente. medo de você ter perdido o seu brilho.
mas, no momento seguinte, eu notei que eu não tenho o direito de me sentir assim. afinal de contas, eu te abandonei. me senti um lixo. um crápula. me senti tão incapaz comigo mesmo.
lembrei depois de nossa última conversa de verdade. cara a cara. tão distante, tão vazia. tinha tanto medo e tantos sentimentos inexplicáveis alí. éramos como dois estranhos.

admito, não sei o que te dizer além daquela velha e conhecida frase clichê: sinto sua falta.

Anúncios

Um Comentário

  1. Você não me abandonou, não foi um crápula, só foi maduro o suficiente pra ver que éramos muito mais amigos.
    E quanto ao caderno, agora ele anda muito bem guardado!!!!rs

    Adoro você!!!

    P.S.: Sinto falta até do cheiro do cigarro. =/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: