palavras na madrugada


sinto-me preso às palavras que nem a melodia das músicas podem esconder seus significados.
desnudo e ignoro todas as artes vazias que não compõem frases e me enebrio com o som harmonioso das letras que compôem minha alma.
as palavras.
a força que me acalenta e desnorteia os meus sentidos, criando uma lentidão do tempo com os ponteiros devagar e com o dia que insiste em não penetrar na madrugada para me acordar.
ainda assim insisto e persisto em diversificar o tom de minhas palavras em pinturas e melodias em vão.
a chave que abre o segredo de minha inspiração não se diversifica ou se encontra fora das páginas brancas ou amarelas de um livro.
seja um conto ou um desencontro em algum romance, ou no ritmo hora acelerado, hora desacelerado que Bandeira ou Assis destrinchavam em versos poéticos.
mais do que ler ou escrever, vivo em função de respirar e afundar nas águas em que estão imersas tais palavras, deixando-me afogar em sentidos e sentimentos que o homem jamais poderia por si só expresar.
porém, caminho por entre as linhas para compreender cada pedaço de vida que fôra escrita e vejo em cada olhar ou sorriso descrito as angústias em lente de aumento que sofro.
vejo em cada movimento dos personagens alheios as mazelas e destinos que traçam e traçaram as sociedades extintas em sonhos e utopias.
mas, mais do que afundar-me entre palavras, vejo-me fugir dos destinos que me foram traçados, quando, sem notar, ponho vestimentas e me transporto para as sedes destas e daquelas histórias.
fujo sim. fujo sem pensar, enquanto meu corpo ainda se encontra preso em algum canto das paredes que um dia foram brancas, enquanto sol brinca de se esconder do dia que não desiste de nascer.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s